O que é melhor para SEO? Usar subdomínio ou subpasta?

O que é melhor: Subdomínio (blog.site) ou Subpasta (/blog)?

Olá pessoal de SEO! Dúvida clássica e muito comum em SEO: O que é melhor? Subdomínio ou subpasta (subdiretório)? Minha resposta é: depende! Confira já!

Todo profissional de SEO ou já teve essa dúvida ou ainda terá, principalmente quando decidir lançar uma nova área em seu site, seja para ter alguma identidade diferente ou até mesmo uma nova seção, mas mantendo vínculo com o domínio que os usuários e clientes já conhecem. Do ponto de vista de SEO, qual melhor forma de estruturar a URL ao criar uma nova área no site? Minha resposta é: depende – há 2 opções que possuem tanto vantagem quanto desvantagem, portanto depende de como essa nova área será desenvolvida em seu site. E detalhe: a vantagem de uma forma é a desvantagem da outra, confira a seguir.

Usando Subdomínio em SEO

Primeiro, é necessário entender o que é subdomínio: ao olhar a URL de um site, o termo que vem antes do domínio (ou seja, antes do nome do site) e seguido de ponto é um subdomínio. Exemplos:

  • blog.seusite.com.br
  • suporte.seusite.com.br
  • www.seusite.com.br

Em negrito, há o domínio nas URL de exemplo. Em laranja, são os subdomínios. Isso significa que o www, usado em todas as URL como a raiz do site, também é um subdomínio? Sim, a sigla www de World Wide Web é um subdomínio também.

Vantagem de subdomínio em SEO

Quando utilizamos subdomínio, todas URL que farão parte do subdomínio serão vistas pelo Google de forma separada do endereço principal (que costuma ser o www), tanto que é necessário criar uma nova propriedade no Google Search Console (GSC) para utilizar essa importante ferramenta de SEO no monitoramento das páginas do subdomínio criado. Também não se esqueça do sitemap.xml e de um arquivo robots.txt na raiz de cada subdomínio (o Google irá considerar esses arquivos para cada subdomínio).

Você deve pensar: “mas qual a vantagem nisso?“. Do meu ponto de vista, o uso de subdomínio é importante nos casos da nova seção do seu site ser criada/gerenciada por terceiros, em que você não tem controle de como essa área do site é desenvolvida. Exemplos? Se sua empresa decide lançar um blog que será terceirizado para uma agência, ou uma área de suporte para atendimento ao consumidor que será terceirizada para uma empresa de sac/help desk, entre outros casos. Se houver algum tipo de incidente que possa comprometer em SEO, não afetará o endereço principal do site.

Já tive experiência passada de uma área nova ter sido implementada em subdomínio e a agência que a desenvolveu não tomou os devidos cuidados do aspecto de segurança. Essa área do site foi invadida e hackeada. O que aconteceu com o endereço principal do site? Nada, pois não influenciou do ponto de vista de SEO e, por estarem em servidores separados, também não invadiu o subdomínio principal.

E, para complementar nosso raciocínio, entende a razão de sites como blogspot criarem cada blog em um subdomínio diferente?

Resumindo: se um terceiro irá controlar a nova seção de seu site, analise se é o caso de criar blog.seusite.com.br, suporte.seusite.com.br, novasecao.seusite.com.br. O seu cliente/usuário irá associar com sua empresa por estar no mesmo domínio, mas o endereço principal estará mais protegido em caso de algum incidente. E lembrando: não se esqueça de criar nova propriedade no Search Console e os arquivos sitemap e robots para cada subdomínio.

Desvantagem de subdomínio em SEO

Seguindo a linha de raciocínio acima, o fato do subdomínio ser visto de forma separada pelo Google indica que há grandes chances da autoridade do endereço principal de seu site não refletir em seu subdomínio.

Segundo o livro The Art of SEO, o subdomínio pode herdar métricas positivas do domínio raiz, mas nem sempre. Considerando minha experiência, o resultado foi praticamente como se fosse um novo site – ou seja – o fato do endereço principal ser relevante não influenciou em nada no aspecto de SEO no novo subdomínio. E, obviamente, sabemos que isso é ponto negativo para nós que trabalhamos com otimização de sites.

Usando Subpasta (Subdiretório) em SEO

Subpasta ou subdiretório é apenas uma pasta criada na raiz do site para colocar sua nova seção. Como é uma “área filha”, ou seja, dentro da raiz do domínio, é vista como parte do endereço principal.

  • www.seusite.com.br/blog
  • www.seusite.com.br/suporte

Vantagem de subpasta em SEO

Como a subpasta faz parte do endereço principal do domínio, ela herda toda autoridade do site e o tráfego por SEO tende a aumentar mais rapidamente para sua nova seção do que se estivesse em um subdomínio. Não há necessidade de criar uma propriedade separada no Google Search Console (GSC). Colocando seu novo conteúdo dentro de uma subpasta, você já pode inserir as novas URL no sitemap e começar a monitorar no GSC o tráfego para as URL que estão contidas dentro de /subpasta. O arquivo robots.txt será o mesmo que estiver na raiz do site.

Desvantagem de subpasta em SEO

Obviamente, a desvantagem da subpasta é o caso já citado anteriormente na vantagem de subdomínio. Se houver algum problema que envolva as páginas contidas dentro da /subpasta, poderá ser prejudicial em SEO e para seu site como um todo. A nova seção não está sob seu controle, estará na mão de terceiros? Leia acima a vantagem de subdomínio antes de tomar a decisão de usar subpasta.

Decidiu? Dicas Finais de SEO para URL

Seja subdomínio ou subpasta, não se esqueça de algumas boas práticas de URL em SEO!

  • Em seu domínio ou subdomínio, procure usar termos não muito longos e que sejam fáceis de lembrar e de digitar, facilite o acesso pelo usuário! A pesquisa por marca/nome do negócio é muito importante e facilitar de forma a aumentar esse tipo de busca (também conhecida por branded search) pode beneficiá-lo lá na frente em SEO.
  • Em subpastas e nomes de páginas, procure sempre utilizar todos os termos em minúsculo – uma URL com letras maiúsculas não é considerada a mesma com letras minúsculas. Se você tem ambos os casos, configure um redirecionamento 301 de uma para outra (ou insira tag canonical apenas para uma delas) e use sempre a URL final definida em todos os links e no sitemap.
  • Em subpastas e nomes de páginas, adote palavras-chave separadas por hífen – palavra-chave na URL tem bastante peso em SEO!

Conclusão

Espero que esse artigo ajude a responder a pergunta clássica e muito comum em SEO – compartilho minha experiência para colaborar no raciocínio da melhor saída. Se você acredita que convém adotar subpasta em todos os casos para aproveitar a autoridade do domínio, sem problemas! De fato olhando para SEO é a melhor forma, apenas esteja sempre atento que a saúde do site está garantida independente de quem estiver gerenciando as novas páginas.

Recentemente, John Mueller (Googler) publicou no You Tube o vídeo: Subdomain or subfolder, wich is better for SEO? Para mim, não esclarece do aspecto de ranking, apenas explica que para o Google não fará diferença ao rastrear as páginas do site. Vale a pena assistir também o teste realizado por Rand Fishkin: Subdomain vs Subfolder.

 

Quer aprender mais sobre SEO? Confira:

Compartilhe mais este artigo de SEO!

Um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *